Desde o verão de 2017, vários roubos e incêndios de origem criminosa aconteceram em Sierre (VS). Depósitos, estabelecimentos públicos, casinhas de jardim ou ainda edifícios relógios eram os alvos dos acontecimentos. No total, houve 34 casos que são alegados pelas autoridades suíças aos mesmos indivíduos.

As autoridades policiais do Cantão do Valais anunciaram, esta terça-feira, o apreendimento de quatro jovens residentes da região, suspeitos de todos estes crimes. Dois deles ainda são menores e um está em prisão preventiva. Segundo o comunicado da Polícia do Cantão do Valais, os autores dos actos têm 22, 19, 17 e 15 anos e todos residem na parte central do Cantão. Três são de nacionalidade portuguesa e o quarto é suíço.

Todos foram denunciados ao Ministério Público e ao Tribunal dos Menores.