Os acessos ao local ficaram fechados.

Esta segunda-feira de manhã, um polícia baleou um homem armado durante uma intervenção por causa de um caso de violência doméstica. O indivíduo ficou gravemente ferido. Segundo as informações apuradas pelo nosso site, o homem é Dionísio C.,um emigrante português originário de Viana do Castelo.

Ao início, a imprensa suíça tinha notíciado a morte do português. Durante a tarde, um comunicado do Ministério público do cantão de Genebra desmentiu a informação. Houve efetivamente um polícia que disparou contra o suspeito, mas ele não morreu. O seu prognóstico vital está “fortemente em risco”.

O comunicado informa de uma chamada para o 117 às 8h30 avisando de pedido de ajuda de uma mulher na Avenida Industrial no bairro dos Acacias. No local, dois agentes policiais enfrentaram o homem munido de uma pistola à entrada do apartamento. Um polícia fez uso da sua arma contra o suspeito.

Gravemente ferido, o português foi evacuado por uma escada dos bombeiros via a janela de um apartamento vizinho.

Os agentes encontraram ainda uma mulher baleada no apartamento onde decorreu a intervenção.

Uma vizinha conta ter ouvido tiros e de seguida ter visto Dionísio C. ensanguentado à saída do apartamento onde decorreu o drama. Depois, ela foi solicitada para evacuar o ferido. Segundo uma empregada de um comércio vizinho, um polícia saiu do prédio em estado de choque rodeado por vários colegas.