A alfândega suíça de Schaffhausen apreendeu um emigrante português que introduziu mais de 40 toneladas de carne e salsichas no país. O homem é um revendedor que vive na Alemanha.

A Administração Federal das Alfândegas informou que o homem realizou 200 viagens, entre 2015 e 2017, com o carro cheio de carne. Os produtos foram vendidos para onze merceeiros de cinco Cantões diferentes da parte alemã. As especialidades portugueses eram vendidas a um preço inferior ao mercado,

A Administração Federal das Alfândegas apresentou uma queixa contra doze pessoas que vivem na Suíça e no estrangeiro. Na Alemanha, várias buscas e apreensões foram feitas. No total, cerca de 400.000 francos fugiram às alfândegas suíças e a Administração federal pede retroativos.