Jovem português e suíço causam caos entre Lausanne e Aigle

Esta sexta-feira, 24 de novembro (00:15), um passageiro da linha de comboios Lausanne – Aigle (Vaud) avisou a central da polícia que o travão de emergência tinha sido acionado e dois jovens estavam a provocar uma grande confusão no comboio.

As patrulhas intervieram logo após a estação de Villette onde o comboio foi imobilizado. Os primeiros elementos indicam que os dois jovens semearam o caos numa das carruagens insultando, ameaçando e batendo nos outros passageiros incluindo uma pessoa deficiente.

Depois do o travão de emergência ter sido acionado, o maquinista do comboio foi ver o que aconteceu e foi agredido fisicamente por um dos jovens. Vários passageiros tentaram os acalmar ou intervir, mas sem sucesso.

Os polícias tiveram que usar a força para dominar e levar os dois jovens que não pararam com os insultos durante a intervenção. Os acusados têm 16 e 17 anos, respectivamente um suíço e outro de origem portuguesa. Eles estavam debaixo da influência do álcool com taxas superiores a 1 e 0.5 mg/l e conhecidos da polícia por atos de violência em particular.

Depois da apreensão dos jovens, o comboio continuou até a estação de Cully onde os passageiros foram recolocados num outro comboio (InterRegio) desviado da sua rota habitual.

O maquinista foi curado por um passageiro de uma profissão medical e depois por uma ambulância que o esperava na estação de Cully. Foram ouvidos ambos os jovens, pela manhã, na polícia de Vevey, sob autoridade do Presidente do Tribunal dos menores que ordenou a detenção.

Publicidade

Este acontecimento requereu a intervenção de uma ambulância e de 5 patrulhas da polícia.

Foto : Keystone, imagem de illustração

Publicidade
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on email
Share on pinterest

Outros Artigos