Marcos Freitas e Tiago Apolónia no Top 16 Europeu

O “Top 16 Europeu” é a principal competição do Velho Continente em ténis de mesa. A primeira edição realizou-se na antiga Iugoslávia em 1971 e era disputada por 12 jogadores (Top 12).

Desde 2015, a Federação Europeia de Ténis de Mesa (ETTU) decidiu alargar o torneio para 16 participantes.

Informações sobre o evento e os jogos

Em Montreux, o Top 16 terá os 15 melhores jogadores no setor masculino e feminino, apenas em singulares, assim como o Suíço e a Suíça melhores qualificados. A competição será composta de jogos com eliminação direta e começa nos oitavos de final. O sorteio dos encontros realiza-se na sexta-feira, 1 de fevereiro às 19h (horal local).

Cada set será vencido pelo atleta que primeiro completar 11 pontos (com diferença de 2 pontos). Vencerá a partida o primeiro atleta com 4 sets.

Os 3 primeiros lugares (homens e mulheres) vale a qualificação para Taça do Mundo de ténis de mesa (ITTF Men’s and Women’s World Cups). Os 32 jogos do Top 16 de Montreux vão ser na Salle Omnisports du Pierrier (1815 Clarens, Montreux) no sábado e domingo. O vencedor receberá o prémio de 10.000€.​

Os atletas presentes

Nos melhores jogadores europeus há dois portugueses que são Marcos Freitas e Tiago Apolónia. Por isso, eles vão estar presentes. Nota especial para Marcos Freitas que venceu a competição em 2014 quando ainda era o Top 12. Este grande feito histórico do ténis de mesa português tinha sido, curiosamente em Lausanne, na Suíça. Na edição anterior, em 2018 já realiyada em Montreux, o atleta Madeirense não marcou presença por causa de uma lesão. Marcos Freitas é o atual 25° melhor jogador do Mundo e nono melhor atleta do Europeu.

Tiago Apolónia, que ocupa o 40° lugar no ranking mundial, foi elimado nos oitavos de final da última edição do Top 16. Em 2018, o Lisboeta perdeu frente ao dinamarquês Johnathan Groth (atual 18°) em 5 sets (4-1) com parciais de 11/5, 11/9, 11/8, 7/11 e 11/7.

Os restantes jogadores são: Timo Boll (Alemanha), Dimitrij Ovtcharov (Alemanha), Mattias Falck (Suécia), Liam Pitchford (Inglaterra), Vladimir Samsonov (Bielorrússia), Jonathan Groth (Dinamarca), Simon Gauzy (França), Kristian Karlsson (Suécia), Emmanuel Lebesson (França), Daniel Habesohn (Áustria), Kou Lei (Ucrânia), Ovidiu Ionescu (Roménia), Panagiotis Gionis (Grécia) e Lionel Weber (Suíça).

Publicidade

No sector feminino estarão também algumas das melhores atletas do Velho Continente, mas com Portugal a não marcar presença. Fu Yu, principal representante portuguesa, não pode participal por razões administrativas.

Mais informações sobre o evento no site oficial da prova : top16montreux.com

Publicidade
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on email
Share on pinterest

Outros Artigos