Reabertura das piscinas públicas na Suíça

Piscinas continuam fechadas
Piscinas continuam fechadas

A esperança foi dada durante a conferência de imprensa do Conselho Federal, na passada quarta-feira. A Ministra dos desportos, Viola Amherd, anunciou que os nadadores, tal como todos os desportistas, poderiam recomeçar os treinos a partir do dia 11 de maio, evitando o contacto físico, respeitando as normas de higiene e de distanciamento recomendadas. A natação é autorizada, mas os banhos de sol ou exposição solar na relva, não. A Ministra, acrescentou ainda, que serão as comunas a decidir a data de abertura das suas piscinas.

Em muitas localidades, a reabertura das piscinas públicas constitui uma prioridade. Logo que o Conselho Federal der autorização, é necessário contabilizar cerca de quatro semanas para preparar as piscinas para o público.

Importa, contudo, salientar, que é importante distinguir a prática de desporto, com o aspeto social e lúdico na utilização e reabertura das piscinas. O diretor, do Departamento Federal do desporto, Matthias Remund insistiu: “A prática do desporto é autorizada, pode ir-se à piscina nadar, mas não para estar com os amigos.”

Dez metros quadrados por pessoa

As infraestruturas desportivas podem, então, reabrir exclusivamente para prática desportiva. A modificação do decreto indica ser preciso 10 metros quadrados por pessoa, uma distância de 2 metros deve permanecer respeitada e os grupos devem ser claramente separados uns dos outros. O responsável das infraestruturas irá elaborar um plano de proteção, o qual especificará como e de forma os atletas poderão treinar sem ficarem expostos a uma infeção do vírus.

Os profissionais da área não estão muito otimistas com a rápida reabertura das piscinas, por parte das comunas. Por outro lado, os custos de abertura são extremamente elevados.

Medida muito aguarda

A reabertura das piscinas é uma das medidas mais aguardas, segundo Oscar Tosato, responsável dos desportos da cidade de Lausana (Vaud). Um dos motivos é o facto de muitos suíços preverem ficar no país durante o verão. O socialista confirmou, que as piscinas não estarão prontas antes do dia 1 de julho.

Existem ainda muitos pontos a analisar e as infraestruturas devem ser preparadas tendo em conta as diferentes normas. A cidade suíça aguardará por uma nova flexibilização das medidas desportivas, no dia 27 de maio. Depois, como foi referido anteriormente, será necessário contar com quatro semanas para a preparação das piscinas. Porém, caso a reabertura seja autorizada para o dia 8 de junho, as piscinas deverão abrir em grande parte, só no início de julho. Por fim, em função da evolução da pandemia, a reabertura poderá ocorrer mais tarde, mas nunca mais cedo que o previsto, como referiu o responsável dos desportos de Lausana.

Publicidade

Vírus na água

Até à data, não existe qualquer prova científica sobre o risco de transmissão da Covid-19 através da água. Assim sendo, tal como para a água consumível, as concentrações de desinfetantes utilizadas quer para tratar a água das piscinas e quer para a dos Spas públicos, devem ser suficientes para fazer face ao vírus.

Publicidade
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on email
Share on pinterest

Outros Artigos