Covid-19: Suíça elabora lista de viajantes sujeitos a quarentena

A partir de segunda-feira, dia 6 de julho, os viajantes de 29 países que quiserem viajar para entrar na Suíça terão que se registar junto das autoridades, e se submeterem a uma quarentena de 10 dias.

A lista inclui os Estados Unidos, Suécia, Brasil, Sérvia e Rússia, que foram designados como países com alto risco de infecção.

Os visitantes que estiveram nos países listados (ver fim do artigo) nos 14 dias anteriores, terão que ao chegar notificar de imediato as autoridades suíças, ficando obrigadas a ficar 10 dias em isolamento.

A lista será continuamente revista e actualizada. As pessoas sujeitas à quarentena serão informadas nos aviões, nos autocarros e nas fronteiras.

O número de infecções começou a aumentar na Suíça nos últimos dias, provocando o receio de uma segunda vaga, mas as fronteiras com Itália, Áustria, Alemanha e França continuam abertas.

Quem não respeitar a obrigação de quarentena fica sujeito a uma multa que pode ir até aos 10 mil francos.

Publicidade

Infoline para quem viaja para Suíça: +41 58 464 44 88 (todos os dias, 6–23h)

Lista:
África do Sul
Arábia Saudita
Argentina
Arménia
Azerbaijão
Bahrein
Bielorrússia
Bolívia
Brasil
Cabo Verde
Chile
Colômbia
Estados Unidos da América
Honduras
Iraque
Israel
Kosovo
Kuwait
Moldávia
Macedónia do Norte
Omã
Panamá
Peru
Qatar
República Dominicana
Rússia
Sara Ocidental
Sérvia
Suécia
Ilhas Turcas e Caicos

Publicidade
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on email
Share on pinterest

Outros Artigos